quinta-feira, 30 de junho de 2016

(Resenha) Para onde ela foi - Gayle Forman

Sinopse: Meu primeiro impulso não é agarrá-la nem beijá-la. Eu só quero tocar sua bochecha, ainda corada pela apresentação desta noite. Eu quero atravessar o espaço que nos separa, medido em passos não em milhas, não em continentes, não em anos , e acariciar seu rosto com um dedo calejado. Mas eu não posso tocá-la. Esse é um privilégio que me foi tirado.
Com a mesma força dramática de Se Eu Ficar, agora pela voz de Adam, Para Onde Ela Foi expõe o desalento da perda, a promessa da esperança e a chama do amor que renasce.
Fonte:Skoob

Resenha: Continuação do  livro Se eu ficar, que termina com Mia voltando do coma depois de um pedido desesperado de Adam. Só que do final de Se eu ficar para as primeiras páginas desse livro há uma passagem de tempo de três anos.
No começo você fica meio perdida, não sabe o que aconteceu...
Desta vez a história é contada  sob a perspectiva de Adam. De novo Gayle conta a história da presente misturado com flashbacks do passado onde nos apresenta fatos que são relacionados com o momento atual na vida de Adam.
Após se recuperar do acidente Mia decide ir para a escola de música Juilliard, que era seu sonho de antes do acidente. Com a separação o relacionamento fica complicado e ela acaba deixando ele aos poucos até romper definitivamente. 
O começo do livro é contando tudo que aconteceu com Adam após perder Mia, fica até meio cansativo, mas os dois acabam se reencontrando, aí fica tudo mais emocionante, tudo volta e eles vão poder descobrir o que deu errado. 
Esse livro me fez pensar que às vezes a gente tenta tando proteger as pessoas que amamos que acabamos por deixar de viver e apreciar os momentos bons da vida e não deixar que a pessoa também viva, se decepcione, sofra e cresça. Gostei muito do final da história de Mia e Adam onde as palavras chaves são:

                                             SUPERAR E PERDOAR

Saiba mais sobre a autora AQUI.