terça-feira, 24 de maio de 2016

(Resenha)O lado feio do amor - Collen Hoover

 Sinopse: Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor. O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.

Fonte: Editora Galera Record

Resenha: Rachel foi o primeiro amor de Miles, mas esse amor não sobreviveu a uma tragédia, deixando marcas profundas em Miles, que decidiu viver sua vida sem nunca mais dar a chance ao amor.
Só que ele não esperava que Tate entrasse em sua vida e começasse a quebrar uma a uma todas as suas barreiras que ele ergueu ao seu redor ao longo desses seis anos em que sua vida foi só trabalho, sem diversão e sem amor.
Ela não queria se envolver com ninguém, esperava só se dedicar aos seus estudos e a sua carreira, mas a proposta de Miles veio interferir em seus planos, quando menos esperava se viu quebrando as únicas regras que Miles impôs ao relacionamento deles: Queria saber tudo sobre o seu passado e também queria ser o seu futuro.
Como vencer essa batalha? Como descobrir sobre o seu passado se ele não permitia que ela entrasse? Como ser o seu futuro se ele se recusava a dar uma chance ao amor? Valeria a pena lutar pelo amor de Miles ou deveria desistir e ir viver a sua vida?
Como sempre a Colleen nos encanta com seus personagens e historias maravilhosas... Um livro que você vai ler e reler, entre suspiros , sorrisos e lágrimas...